Papo Livre #2 – Debian 9 (stretch)

#2 - Debian 9 (stretch)

Publicado em 19/06/2017. Duração: 00:51:10

Download: ogg (39 MB) mp3 (63 MB)

A mais nova versão estável do Debian, de número 9 e com codinome Stretch, foi lançada no dia 17 de junho de 2017. Neste episódio, nós discutimos os destaques da nova versão com base no anúncio oficial a nas notas de lançamento. Tmabém discutimos algumas dúvidas comuns sobre o Debian, como a diferença entre stable, testing e unstable, como atualizar o sistema, e outros.

Pauta principal: 4:26

Edição: Thiago Mendonça.

Trilha sonora: Going Higher by Bensound. Licenciada sob a Creative Commons Attribution-NoDerivatives 3.0.

Redes sociais/contato: Quitter(GNU social): @papolivre; Twitter: @slpapolivre; IRC: #papolivre na Freenode; email: [email protected]

Links:


Fonte: https://papolivre.org/2/

dir2ogg | Salvando seu suado espaço em disco

Howdy cowboys! Tudo em riba?

Seguinte, não tenho como falar por todo mundo, só por mim mesmo, mas a situação é a seguinte: Eu tenho uma enorme biblioteca de áudio. Sim, músicas e músicas, discografias inteiras, podcasts e mais podcasts... tudo arquivado. Me chame de acumulador digital se quiser, e provavelmente sou mesmo! Mas não estamos aqui para julgar a loucura dos amiguinhos, certo?

Bom, o que um acumulador digital como eu tem de problemas em suas máquinas? Primeiramente, vida útil dos discos rígidos... Essa parte eu tratarei em futuras postagens e na minha workshop sobre backup e sincronização de arquivos com RSync e SyncThing na #CPBR10, então, aproveita que já está lendo aqui e cola lá: http://ow.ly/I5Hi307hwRn.

A segunda, ainda na questão dos discos rígidos, é o espaço "gasto" pela acumulação... No que diz respeito a áudios em geral, normalmente se consegue por quaisquer meios que se decidir, arquivos em .mp3... que por si só já é uma extensão mega compactada e que, se não bem trabalhada, trás severas perdas de áudio... além é claro se não ser um formato livre =).

Eu sempre fui fã do .ogg, limpo, tão bom quanto (e as vezes, ou quase sempre, melhor que o .mp3 no sentido compactação X qualidade dos arquivos) o .mp3, e até hoje minha forma de transitar entre os dois formatos era a conversão manual de arquivo por arquivo de .mp3 para .ogg...

Meus amigos, uma busca pelos repositórios main do Debian me apresentaram a belezura do dir2ogg... Que, como o nome sugere, converte diretórios inteiros para .ogg...

Eu converti minha biblioteca local de áudio em questão de horas (é, quando se tem mais de 200Gb de arquivos de áudio não é tão rápido mesmo =) e de forma muito fácil.

Segue o processo básico de instalação em Debian-like:

apt install dir2ogg

Pronto. Está na mão a ferramenta batuta.

Agora, para usar a ferramenta:

dir2ogg -r diretório/dos/arquivos/a/serem/convertidos

E deixa rufar... Simples não? O -r está dizendo para ele rodar recursivamente à partir do diretório inicial e ele vai fazer o possível para manter a qualidade da saída igual a da entrada.

Segue vídeo exemplo:

No vídeo eu converti uma studio session do 21 Pilots que eles estão disponibilizando gratuitamente no canal do youtube deles através deste link: https://www.youtube.com/watch?v=JfEFq_NRZu4 E como comparativo, antes e depois da conversão:

Antes da conversão

Depois da conversão

A diferença fica ligeiramente maior com faixas de longa duração...

O site do projeto é esse aqui: http://jak-linux.org/projects/dir2ogg/ vale a visita.

E por hoje é isso meus queridos.

Fiquem na paz e até a próxima.

O retrocesso tecnológico do Governo Temer.

Fala ae turma boa... Sim, eu sai do hiato...

Vamos lá... Aquele disclaimer panos quentes do caramba antes de começar a vomitar opinião, ok? Ok...

Eu evito o máximo que posso mostrar minha opinião na internet sobre 3 assuntos:

  • Religião;
  • Futebol;
  • Política.

E sim, eu sei que parece coisa de babaca dizer isso, mas o fato é: Eu tenho pouco tempo na minha vida, perder tempo com rage alheio simplesmente por ter pessoas que não pensam igual a mim me consome energia e tempo precioso pra pagar as contas, comprar cartinhas de Magic e levar a namorada pra comer pizza...

Agora, se eu evito essa chuva de chorume na minha timeline do Facebook, Twitter, Diaspora e etc, porque raios eu estou vindo aqui com um titulo de clickbait gigante destes? Bom, porque me dói umas coisas de vez em quando e eu preciso "desabafar" escrevendo publicamente.

Disclaimer feito? Está ai ainda? Então "vambora"!

O retrocesso exemplificado na imagem.

O retrocesso exemplificado na imagem.

Continue lendo

TOR – Navegando de forma “anônima” nas interwebs

Salve salve turma boa, como vai a semana? E esses segredos de estado que vocês andam tentado acobertar? Como andam? Os meus estão bem protegidos... =D

A ferramenta que vou apresentar pra vocês hoje é ficha carimbada pra muita gente, mesmo assim, pensando em você que pode nunca ter ouvido falar ou nunca entendido completamente como TOR funciona, hoje eu vou TENTAR ajudar a pegar uma base, ok? So... here we go!

Continue lendo